Entre os dias 09 e 11 de novembro foi realizada a Oficina Regional sobre Investigação de má-conduta, que aconteceu em Bogotá, Colômbia. O Instituto Migrações e Direitos Humanos esteve representado por Ludmylla Souto, Gerente de Integração.

A capacitação reuniu cerca de 22 instituições da sociedade civil, parceiras da ACNUR, Agência da ONU para Refugiados, de diferentes países da América Latina. Teve o intuito de realizar um treinamento de investigação de práticas de má-conduta, por colaboradores(as), no âmbito das entidades parceiras. O objetivo era fortalecer as capacidades de investigação e possibilitar que sejam qualificadas para identificar casos de má-conduta, investigar denúncias, reunir provas, elaborar documentos e relatórios de investigação, realizar entrevistas, analisar processos e concluir casos utilizando instruções e diretrizes do ACNUR.

Foram selecionadas quatro instituições brasileiras para participar da capacitação. O Instituto Migrações e Direitos Humanos (IMDH), a AVSI BRASIL, a Fraternidade Sem Fronteiras e a Aldeias Infantis SOS foram as instituição que representaram o país.

Segundo Ludmylla, a experiência vivida durante o encontro foi de grande relevância para sua atuação no IMDH. “Agradeço a Irmã Rosita Milesi pela confiança e por ter me dado a oportunidade de representar o Instituto no evento. Pude conversar com representantes de outras instituições, compartilhar experiências e aprender muito, além de todo o conhecimento compartilhado pelos palestrantes”, destacou.